Blog, LinkedIn, Tecnologia

22 segredos do LinkedIn – parte 2

Escrito por no dia 19/08/2014

Eu tenho escrito vários artigos sobre LinkedIn porque leio vários autores que falam da ferramenta, aqui no Brasil e também nos EUA – maior país em população no LinkedIn e também com os maiores autores deste tema.  Estes artigos têm gerado vários comentários, dos quais selecionei os que mais se repetiram e dividi em 22 segredos do LinkedIn*, como dicas para que você potencialize ainda mais sua marca pessoal e negócios nesta ferramenta.
Na última semana apresentei a primeira parte das quatro que selecionei para você (releia AQUI). Hoje, apresento a segunda parte e na próxima semana, retomo o conteúdo com mais exemplos. Desejo sucesso!

Para rever as outras dicas, leia aqui. Parte 1

6. Seja preguiçoso, mas conciso na mensagem que quer deixar. Isto amplifica sua mensagem e entrega consistência para sua marca pessoal. Comunique diferentes formas de um mesmo conteúdo, desde que ele seja criado por você, isso pode distinguir formas de reiterar sua mensagem com seus grupos. Converta seus posts de Blog nos updates de atividades e cole imagens de impacto no seu perfil no LinkedIn.

7. Seja ganancioso. Não siga a fórmula LinkedIn de editar uma descrição breve para cada cargo que você realizou. Aproveite o espaço que você precisa para comunicar as suas realizações e resultados, criando várias entradas para cada papel que você executou dentro de cada cargo. E OK para ter sobreposição de datas.

8. Participe de grupos. Não limite o número de grupos para você participar. Participe de grupos relacionados à sua área de especialização, indústria, alunos, paixões, causas sociais, e outros aspectos de sua identidade. Isto lhe dará acesso a mais pessoas que são importantes para a sua marca. Além disso, quando os outros olham para o seu perfil, eles podem aprender sobre a sua marca, olhando para seus grupos. Sempre selecione grupos que são muito ativos e têm um grande número de membros.

9. Seja promíscuo. Ignore os conselhos do LinkedIn para aceitar apenas pedidos de ligação de pessoas que você conhece. Isso o ajuda a vender o pacote premium, mas não ajuda você a ser encontrado. O algoritmo de busca do LinkedIn favorece aqueles que estão em sua rede. Isso significa que quando as pessoas estão procurando o que você tem para oferecer, os resultados de suas pesquisas são exibidos com conexões de nível 1 em primeiro lugar, em seguida, as conexões de segundo nível e assim por diante.

10. Seja um camaleão. Não assuma que os outros saibam como se escreve o seu nome ou saibam que você mudou o seu nome. Inclua erros ortográficos conhecidos, nomes anteriores, alcunhas e apelidos em seu resumo. Exemplos: Adriano T. Barbosa, Adriano Barbosa, Adriano Tadeu Barboza, Adriano Barboza, Adriano T. Barboza.

Continuarei na próxima semana… até lá, aproveite para conhecer meus outros artigos. Acesse AQUI.

 

*Os 22 segredos foram baseados e traduzidos de um artigo americano no portal da Forbes.com, com créditos para Willian Arruda.

 

 

 Conheça nosso curso sobre Marketing Pessoal e Negócios no Linkedin na Escola Ponto Pessoal

Banner-Adriano-Tadeu-Barbosa-Teste-de-Estilo-960x280

 


SOBRE O COLUNISTA

  • Linkedin
  • Facebook

Fundador e CEO da Ponto Pessoal, primeiro portal, revista e escola digital do Brasil e Portugal especializados em Marketing Pessoal. Especialista em marketing Pessoal desde 2006, professor, palestrante internacional, carreira pautada em consultorias, aulas, supervisão de cursos e criação de conteúdos desde 2006, tendo criado e supervisionado cursos de marketing, empreendedorismo e mercado de luxo, pelo Centro Europeu e ISAE/FGV em Curitiba e Paris, capital francesa, onde se especializou em Mercado de Luxo no ISAE Brasil e ISC Paris. Hoje também é Embaixador da marca Exaixo e do Portal Topview do grupo RIC Record PR no sul do Brasil, onde apresenta seu programa semanal na TV TV.
Currículo completo em www.adrianotadeubarbosa.com | Contato: adriano@pontopessoal.com.br

Criado com Area de Membros WP